Romero sanciona lei que acrescenta duas horas à jornada dos professores

romero_lei_taxi_mototaxiO prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, sancionou nesta sexta-feira, 22, a Lei Complementar 078, que altera a jornada de trabalho dos professores da rede municipal de ensino. A ação garante aos professores do município um reajuste de 10%, o segundo no ano para a categoria concedido pelo poder público municipal.

Dando cumprimento a compromisso assumido pelo prefeito com o magistério, o incremento na jornada semanal será de duas horas semanais já agora no mês de novembro, o que provocará um impacto da ordem de R$ 400 mil nas finanças da prefeitura. O ajuste será completado em novembro de 2014, com o acréscimo de mais três horas semanais, adequando a carga-horária às trinta horas semanais.

Com isso, ficam garantidos aos professores, em 2014, mais uma vez dois reajustes em um único ano, assim como em 2013. As três horas que serão acrescidas no próximo ano causarão mais um impacto de R$ 600 mil mensais aos cofres da municipalidade.

Para o prefeito Romero Rodrigues, essa foi uma iniciativa ousada, mas acertada da Prefeitura Municipal de Campina Grande, que, apesar das dificuldades existentes em termos financeiros, prestigia uma categoria tão importante.

“Agimos com ousadia, extrapolando os limites que nos foram impostos por dificuldades que enfrentamos por conta de práticas errôneas da gestão passada. Acertamos por tentar atender uma demanda da categoria, oferecendo dois reajustes nesse ano de 2013 e mais dois reajustes no ano de 2014, ações jamais presenciadas no município de Campina Grande”, declarou Romero.

“Além disso, sobrepomos o reajuste praticado pelo Governo Federal à categoria, que foi de 7,9%, aumentando para 10%, refletindo, com isso, nosso respeito e empenho de sempre buscarmos as melhores soluções na luta por melhores condições para os nossos professores”, complementou ou o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO