Romero preside reunião para finalizar a construção de 4.100 casas

romero_cosntrucao_novas_moradiasO prefeito Romero Rodrigues esteve reunido nesta manhã na sede da Construtora Rocha, no bairro do Alto Branco, para discutir os projetos para a construção do maior conjunto habitacional do Nordeste, e um dos maiores do Brasil do Programa Minha Casa, Minha Vida, executado no país, com  4.100 casas, a ser concretizado no futuro empreendimento “Aluizio Campos”.

A reunião contou com representantes do Banco do Brasil, da Construtora Rocha, de secretários municipais de Obras, Serviços Urbanos, Saúde, Educação, Urbema, além de outros profissionais, e dentre outros objetivos visou concluir o rol de demandas sociais, para atender a população de Campina Grande que será contemplada com o empreendimento de grande importância para a sociedade. Representaram o Banco do Brasil: Alexandre Pereira de Sousa, gerente de Relacionamento Empresarial Paraíba, do Banco do Brasil (Agência Empresarial Paraiba); André Luiz Ottern da Roza, gerente de Agência Empresarial; Raoni C. T. Oliveira, gerente de Negócios Imobiliários, da Gerência Regional de Crédito Imobiliário – Plataforma Nordeste.

O Complexo Empresarial e Industrial Aluizio Afonso Campos será construído no bairro do Ligeiro, numa área de aproximadamente 890 hectares, desapropriados no ano passado pela Prefeitura Municipal, com acesso às BRs 104 e 230. Romero disse que esse é um dos maiores complexos habitacionais do Brasil.

Segundo Romero, entre 120 e 130 empresas de diferentes segmentos da economia já assinaram protocolos de intenções para instalar unidades no Complexo Aluízio Afonso Campos. “Uma montadora de ônibus está constituindo empresa em Campina Grande, formalizando juridicamente sua situação no município, para se instalar no Complexo”, declarou o prefeito.

O Complexo Aluízio Afonso Campos situa-se próximo a importantes equipamentos urbanísticos, a exemplo do Aeroporto Presidente João Suassuna e do Terminal Rodoviário Argemiro de Figueiredo. A área terá uma completa infraestrutura (rede de esgotos, abastecimento de água, gás natural e energia elétrica).

Para se ter a dimensão do empreendimento ele abrangerá recursos da ordem de 300 milhões de reais, ou seja superará em termos de relação os 252 milhões de reais de faturamento da construção civil em 2012. Também para se compreender a dimensão da obra superará em torno de 70 a 80 por cento de Municípios da Paraíba.

O novo bairro terá áreas para escolas, saúde, esportes, comércio, com pavimentação e outros benefícios de infraestrutura objetivando o bem-estar da sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO