Romero_dr_edgley

Programas sociais avançarão com a municipalização do Dr. Edgley, afirma Romero

Romero_dr_edgleyOportunidade para avançar em programas sociais. Este foi o tom da justificativa apresentada pelo prefeito Romero Rodrigues ao anunciar a municipalização dos serviços do Hospital Dr. Edgley, na manhã desta segunda-feira, 27. Para o gestor, com o novo equipamento público, a Prefeitura de Campina Grande terá a chance de ampliar o acesso da população às políticas de garantia de direitos, em especial os moradores da Zona Leste da cidade, onde está localizado o estabelecimento hospitalar.

Romero Rodrigues explicou que aquela região do município é uma área de alta vulnerabilidade social, apresentando os maiores índices de violência, apreensão e consumo de drogas. Segundo o prefeito, a Secretaria Municipal de Saúde vai implantar no Hospital Dr. Edgley 21 leitos de saúde mental para tratamento de dependentes químicos em situação de urgência e emergência em decorrência do uso de álcool, crack e outras drogas. “Estes leitos vão integrar a Rede de Atenção Psicossocial, mantendo permanente articulação com os demais serviços de saúde mental para continuidade do tratamento”, argumentou.

Ainda de acordo com o prefeito, a unidade de saúde mental que será implantada no Dr. Edgley também vai integrar as estratégias do programa “Crack. É Possível Vencer”, do Governo Federal, e que teve adesão do Município no ano passado. Além deste, outro programa social que deverá ter avanços importantes com a municipalização dos serviços do hospital é o “Juventude Viva”, que tem a proposta o combate à violência e a inclusão social de jovens em territórios atingidos pelos mais altos índices de criminalidade.

“No âmbito do ‘Juventude Viva’, o novo hospital municipal deverá contar ainda com um Núcleo de Prevenção e Promoção da Saúde para qualificar as ações de vigilância e prevenção de violências e acidentes de trânsito, por exemplo. Avançar na execução destes programas nos permitirá participar de editais, trazendo para o município investimentos em recursos de suporte para as atividades que serão desenvolvidas”, assegurou o chefe do executivo municipal.

Para Romero, o avanço das políticas sociais deverá integrar as ações dos diversos órgãos da administração municipal com o foco no desenvolvimento humano. Ele cita como exemplo o Programa Saúde nas Escolas, que está levando promoção e prevenção à saúde dos estudantes campinenses. “A municipalização dos serviços do Hospital Dr. Edgley impõe à gestão pública a oportunidade de superar os inúmeros desafios enfrentados pelas comunidades de maior risco social, como as da Zona Leste. Este é o caminho”, garantiu o prefeito.

1 comment

  1. Geisa Rocha

    Os serviços na área da Saúde em Campina estão avançando isso é um bom sinal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


TOPO