Prefeitura inaugura mais quatro serviços de saúde

consultorioNos últimos três anos, a Prefeitura de Campina Grande conseguiu ampliar e qualificar a estrutura da rede municipal de saúde,  garantindo o acesso mais rápido da população aos atendimentos tanto na Atenção Básica quanto na média e na alta complexidade.

E nesta semana, o prefeito Romero Rodrigues vai inaugurar mais quatro serviços de saúde na cidade. A determinação é diminuir ainda mais o tempo de resposta para realização de exames e consultas especializadas, além de assegurar a assistência humanizada nas unidades de saúde.

Nesta segunda-feira, 27, o prefeito vai entregar a Policlínica da Zona Leste, que foi construída com recursos próprios da Prefeitura, na rua Pedro da Costa Agra, no bairro de José Pinheiro.

imagem

O investimento na obra e na aquisição de equipamentos de ponta foi da ordem de meio milhão de reais. O serviço vai oferecer exames de ultrassonografia, raio-x e eletrocardiograma. A unidade ainda terá capacidade para realizar mais de 2 mil consultas especializadas por mês. Os atendimentos serão encaminhados pela rede de Atenção Básica.

A comunidade do Novo Cruzeiro e dos bairros daquela região da cidade também será beneficiada.

Ainda nesta semana, será inaugurada a sede da Unidade Básica de Saúde do bairro. A UBS terá consultórios médicos, farmácia, salas de vacinas e de curativos e dentista. A unidade será a terceira entregue este ano pela Prefeitura, que construiu postos de saúde no Conjunto Ronaldo Cunha Lima e no distrito de Galante, além de reformar mais de 60 unidades.

imagem

No Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (Isea), o prefeito vai inaugurar o Centro de Parto Normal – CPN. O novo espaço da maternidade será voltado para atenção humanizada ao parto e nascimento.

Desde 2013, a Prefeitura já investiu mais de R$3 milhões no Isea. A maternidade ganhou enfermarias, 31 novos leitos, UTI Materna, setor de triagem e acolhimento mais humanizado, além da sede própria da Casa da Gestante, Bebê e Puérpera. No hospital ainda estão sendo construídos mais consultórios para realização do pré-natal de alto risco e uma UTI Neonatal.

O pacote de obras na área da saúde ainda conta com a inauguração do Cerast – Centro Regional de Reabilitação e Assistência em Saúde do Trabalhador, que irá funcionar no canteiro da Avenida Dinamérica.

O serviço, inédito no Brasil, foi construído em parceria com o Ministério Público do Trabalho e oferecerá tratamento gratuito para os trabalhadores que precisam de reabilitação. O Cerast vai contar com salas de fisioterapia e piscina, além de diversos serviços, como tratamento de problemas auditivos.

O que já foi feito – De 2013 até agora, a Prefeitura investiu cerca de 25% dos recurso próprios na saúde. Os investimentos acima do limite constitucional de 15% possibilitaram a aquisição do Hospital Pedro I, que ganhou um centro para realização de exames de imagens, ambulatório especializado para atendimento às crianças com microcefalia e uma nova ala para idosos.

No hospital também foi implantado um serviço para realização de consultas especializadas, o Pedro I Especialidades. Além do Pedro I, a foram municipalizados os serviço e da Associação de Assistência à Criança Deficiente – AACD e do Hospital Dr. Edgley.

Com o aporte maior de recursos próprios, a Secretaria Municipal de Saúde também investiu na implantação da Policlínica das Malvinas e dos Centros de Especialidades Odontológicas – CEOs de Galante e de São José da Mata.

No Hospital da Criança e do Adolescente foram criadas enfermarias e 25 novos leitos. A Unidade de Pronto Atendimento – UPA 24h do Alto Branco foi reformada e ampliada e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU192 agora conta uma base descentralizada no distrito de Galante.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO