Prefeito Romero recepciona médicos residentes da PMCG

romero_me_residentesA Prefeitura Municipal de Campina Grande deu início, nesta sexta-feira, 07, ao ano letivo dos médicos residentes da Secretaria de Saúde do Município. Uma solenidade realizada pela manhã no Hospital da Criança e do Adolescente marcou o início das atividades dos profissionais selecionados para o Programa Municipal de Residência Médica. O evento contou com a participação do prefeito Romero Rodrigues, que deu as boas vindas aos médicos, além de autoridades e técnicos da saúde.

Romero Rodrigues falou da importância dos programas de residências médicas para a saúde pública e garantiu que a prefeitura dará as condições necessárias para a atuação dos médicos residentes. “É um momento histórico, pois, de forma inédita, o poder público municipal ajuda a formar e qualificar mão de obra especializada para melhor atender a nossa população, com oferta de serviços de especialidades médicas”, destacou.

O prefeito ainda enumerou as ações da PMCG para fortalecer a rede hospitalar do Município, com destaque para os novos hospitais municipais, Dr. Edgley Maciel e Pedro I. “São duas unidades de saúde que também deverão servir como espaço de aprendizagem para os médicos residentes, com a mesma qualidade que hoje tem o Hospital da Criança e o Instituto de Saúde Elpídio de Almeida. Vamos ampliar e melhorar os serviços nos nossos hospitais para que, no futuro, possamos ofertar mais vagas de residências médicas”, informou Romero.

De acordo com a secretária municipal de saúde, Lúcia Derks, inicialmente, o Programa Municipal de Residência Médica vai contar com dez residentes, que vão se especializar nas áreas de ginecologia/obstetrícia, pediatria e neonatologia. “Fomos autorizados pelo Ministério da Saúde a ofertar até dezessete vagas de residências médicas, incluindo o curso de medicina de família e de comunidade. Vamos adotar estratégias para atrair novos candidatos, especialmente para a Estratégia de Saúde da Família”, explicou.

Reconhecimento – A médica Fabiana de Oliveira concluiu o curso de medicina no ano passado e foi aprovada para o Programa Municipal de Residência Médica em ginecologia/obstetrícia. Ela participou do evento na manhã desta sexta-feira e elogiou a iniciativa da prefeitura. “É uma excelente oportunidade para os médicos recém-formados, sobretudo porque abre mais vagas para atuação em serviços de excelência”, afirmou a residente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO