Prefeito reúne secretariado e garante implantação de novo Distrito Industrial

romero_entreCampina Grande vai ganhar um novo distrito industrial e, para tanto, o Município já desapropriou uma área de 754 hectares, nos bairros do Itararé e Ligeiro, pertencente aos herdeiros do ex-deputado Aluízio Afonso Campos. No terreno, será implantado o terceiro distrito industrial campinense, além de casas populares. A desapropriação tem um custo de R$ 2,6 milhões.

Nesta sexta-feira, 5, o prefeito apresentou ao seu secretariado, durante reunião de trabalho, no auditório do IPSEM, a escritura da área adquirida pela PMCG. Também aproveitou para prestar as últimas orientações antes da sua licença de 15 dias, que começará no próximo domingo, 07 de julho. Em seu lugar, assumirá o cargo o vice-prefeito Ronaldo Cunha Lima Filho.

Quanto ao terceiro distrito industrial, o prefeito disse que já vai implantar uma política agressiva para atração de novos empreendimentos para Campina, a fim de proporcionar a geração de mais emprego e renda. “Com certeza, o futuro distrito será um divisor de águas na economia de Campina Grande, que passará a viver uma nova fase em sua história”, afirmou.

No encontro, o prefeito fez um breve relato das muitas conquistas administrativas de Campina Grande nos primeiros seis meses de sua gestão, destacando, entre outras, a implantação do cartão temporal, compra de novos ônibus escolares, aquisição do Hospital Pedro I, calçamento de ruas, investimentos no Pólo Judiciário,  ações em favor do meio ambiente, iniciativas no campo turístico e outras várias atividades.

Ele também solicitou aos secretários municipais que façam, quando da sua ausência de duas semanas, a preparação de um relatório de gestão, pois quer que cada secretário aponte sucintamente quais foram as maiores conquistas da cidade nos mais diversos setores, como saúde, educação, assistência social, desenvolvimento econômico e demais campos administrativos.

A reunião ainda serviu para a discussão preliminar em torno da elaboração do Plano Plurianual 2014-2017, pois a meta é o desenvolvimento de uma gestão democrática, com planejamento participativo. “Quero, contudo, que sejam traçadas metas reais, compatíveis com o nosso atual nível de desenvolvimento e das mais justas expectativas da sociedade”, afirmou Romero, garantindo que a população também será ouvida para o levantamento de sugestões e projetos destinados à confecção do novo plano.

Em relação à gestão interina de Ronaldo Filho, o prefeito destacou a sua total confiança em relação ao seu vice-prefeito, ponderando ser uma pessoa de compromisso público e voltada para o desenvolvimento local. “Por isso, as ações iniciadas não sofrerão qualquer problema de continuidade nas mãos de Ronaldo Filho, o qual, aliás, com toda a sua disposição, avançará nos projetos já iniciados em Campina Grande”, afirmou.

Para o prefeito, a posse do prefeito interino neste domingo, dia 7, acontecerá em dia especial por conta da passagem do primeiro ano de aniversário da morte do saudoso poeta Ronaldo Cunha Lima. “Trata-se de uma data marcante e, por isso, a escolhi visando prestar mais esta homenagem ao nosso saudoso poeta, mesmo porque, naquele mesmo dia, o seu filho, o nosso Ronaldinho, estará assumindo a prefeitura e também encerrando as comemorações do Maior São João do Mundo, edição 2013”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO