PMCG faz substituição de árvores mortas e elabora programação para a semana do meio ambiente

arvoresA Coordenadoria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Campina Grande deu continuidade ao trabalho de substituição das árvores que estão mortas. O trabalho teve início na Praça Clementino Procópio, com a retirada de uma palmeira que ameaçava cair sobre as pessoas. “É importante ressaltar que essa árvore será substituída por outra”, disse o biólogo Daniel Luiz Ferreira. “Inclusive, nessa praça nós já fizemos o plantio de três árvores”, completou Daniel.

Na próxima semana, a Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente vai comemorar a semana do meio ambiente, com uma ampla programação que terá inicio no Parque da Criança com o plantio de árvores, conscientização sobre o meio ambiente e entrega de  mudas.

A ideia é plantar mais 400 árvores e continuar o trabalho de substituição daquelas que já foram constatadas como mortas. O biólogo explicou como exemplo uma visita que foi feita hoje na Rua Sinhazinha de Oliveira, para atender uma antiga reivindicação dos moradores, já que, no local, um pé de castanhola morreu e estava a ponto de cair sobre as casas.

A medida adotada pelos técnicos vai ser a retirada da árvore e o plantio de outra, já que a legislação ambiental diz que toda árvore retirada deve ser substituída. Os técnicos da Coordenadoria de Meio Ambiente receberam hoje novos equipamentos de segurança para o trabalho diário de poda e substituição de árvores. Os equipamentos incluem capacete, botas, serra, fardamento, escada, cinto de segurança e luvas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO