PMCG é destaque na Folha de São Paulo devido a possível PPP

seplan_CPDO jornal Folha de São Paulo, na coluna “Mercado Aberto”, destacou, nesta quarta-feira (14), a possível Parceria Público-Privada (PPP) que a Prefeitura Municipal de Campina Grande (PMCG) pretende realizar para as construções do Centro Administrativo e de dois edifícios-garagem.

A coluna, editada pela jornalista Maria Cristina Frias, salientou que “no caso do empreendimento que vai agrupar todos os órgãos públicos municipais, a estrutura poderá custar até R$ 200 milhões. A prefeitura deverá publicar nos próximos dias no Diário Oficial um chamado para empresas que queiram fazer os estudos preliminares”.

O secretário de Planejamento de Campina Grande, Márcio Caniello, na matéria publicada, explicou que “além da economia com aluguel, a centralização permite reduzir outros gastos, como os de telefonia e de deslocamento”.

No que diz respeito à construção dos edifícios-garagem, a Folha destaca que “a obra dos edifícios-garagem está prevista para a região central, mas ainda não tem valor estimado. Os novos prédios devem suprir a falta de vagas que há atualmente no município”. A matéria completa pode ser conferida através deste link: http://goo.gl/1Fwra8.

Na última segunda-feira (12), o secretário Márcio Caniello, Luiz Alberto Leite (secretário de Desenvolvimento Econômico) e representantes da Companhia Paulista de Desenvolvimento (CPD) assinaram um protocolo de intenções para que os estudos de viabilidade das obras sejam realizados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO