Intolerância e desrespeito de líderes do MPL diante de luto de Romero decepcionam e indignam o prefeito

gab_prefeitoPor conta do falecimento do seu primo, Wilson Rodrigues, o prefeito Romero Rodrigues (PSDB), de Campina Grande, decidiu suspender toda a agenda administrativa marcada para esta quarta-feira, 3. Romero e a família participarão ao longo do dia do velório e enterro do parente, no distrito de Galante.

Um dos compromissos agendados para esta quarta, a reunião do prefeito com os representantes do Movimento do Passe Livre (MPL) de Campina Grande também foi suspensa. A reação desrespeitosa das lideranças do movimento diante da fatalidade que atingiu sua família decepcionou o prefeito.

“Campina Grande conhece minha postura de diálogo e respeito aos movimentos populares, mas considero inconcebível que uma entidade que pleiteia uma audiência e oportunidade para ser ouvida aja de forma tão desrespeitosa e intolerante em meio a um momento de dor”, desabafou Romero Rodrigues.

Para Romero, que foi informado sobre as manifestações desrespeitosas das lideranças enquanto participava do velório, chega a ser chocante que, através de site institucional, o movimento insinue “fuga” do prefeito em relação a um compromisso previamente assumido e instigue a população a promover protesto em clima de desordem e afronta à prefeitura.

“Esse tipo de postura não engrandece em nada a luta do movimento. Solidariedade e respeito à dor de toda uma família deveriam integrar também as atitudes dos que se dizem representantes de um segmento tão importante. A intolerância é uma péssima conselheira”, reagiu o prefeito.

Apesar de decepcionado com a atitude dos líderes do MPL, Romero vai se reunir com o movimento, mas ainda não definiu data nem horário para a audiência que tinha proposto à entidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO