Idosos são vacinados contra a gripe em agências bancárias de Campina Grande

Vacina_bancosTermina no próximo dia 10 a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. Em Campina Grande, a Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal está intensificando a distribuição das doses para os idosos. Desde a manhã desta quarta-feira, 02, a vacina passou a ser administrada também nas duas maiores agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica, no centro da cidade. A ideia é aproveitar o período de pagamento dos aposentados, que segue até a próxima quarta-feira, 08, para vacinar o maior número de pessoas acima de sessenta anos.

São pessoas como o aposentado Nilton Almeida Guimarães, 60, que tomou a dose da vacina na manhã de hoje na agência da Caixa da Rua Presidente Epitácio Pessoa. Ele faz parte dos grupos prioritários da campanha de vacinação e aproveitou a iniciativa da Prefeitura de levar o serviço de imunização à agência bancária para se vacinar. “Muitos aposentados não têm como se deslocar para os postos de saúde, por isso foi muito bom trazer a vacina para o banco no dia do pagamento”, elogiou.

De acordo com a coordenadora de imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Miralva da Cruz, no Banco do Brasil o posto de vacinação para os idosos foi montado na agência da Rua Sete de Setembro. “Para o idoso, a vacina contra a influenza tem um caráter especial, pois uma simples gripe para uma pessoa de mais idade pode se tornar uma pneumonia e a recuperação é bem mais lenta”, alertou.

A coordenadora explicou ainda que até agora foram vacinadas mais de 30,4 mil pessoas no município. O número representa 47,51% da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde para o município, que é a de vacinar pouco mais de 51 mil pessoas dos grupos prioritários. “Além dos idosos acima de sessenta anos, aquelas pessoas que estão nos grupos prioritários, gestantes, mulheres no período de até 45 dias após o parto, acamados, pessoas privadas de liberdade e pessoas com doenças crônicas, podem procurar qualquer uma das unidades de saúde para tomar a dose da vacina”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO