Desapropriada área para construção de conjunto em São José da Mata

Dentro da meta de redução do déficit habitacional em Campina Grande, que atualmente é de 13.256 unidades, o prefeito Romero Rodrigues assinou decreto desapropriando uma área com 16,48 hectares no distrito de São José da Mata. Dependendo do projeto urbanístico, o imóvel pode ser loteado para a construção de até mais de 3 mil casas populares, sendo cada unidade com área de 50 metros quadrados.

Os técnicos da Secretaria de Planejamento vão iniciar na próxima semana o levantamento topográfico do terreno. Segundo o secretário da pasta, Márcio Caniello, assim que for concluído o estudo, será iniciado o projeto urbanístico e, na seqüência, haverá a abertura para chamada pública para concorrência entre as construtoras. A propriedade fica próximo à casa de recepções Quinta da Colina.

O prefeito Romero Rodrigues também desapropriou, para fins de interesse social, um imóvel localizado no bairro Três Irmãs. Nele será construída uma subestação de esgotos para atender às unidades habitacionais do conjunto.

Outra desapropriação é a de uma área comercial localizada na Rua Dom Pedro I, no bairro do São José, totalizando 20 metros quadrados. A prefeitura vai demolir o ponto comercial para ampliar o espaço para o tráfego, melhorando as condições para o transporte público e carros de passeio naquele setor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO