Ciclo de debates “Os desafios e possibilidades da juventude”

juventudevivaA Coordenadoria de Juventude da Secretaria de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel) da Prefeitura Municipal de Campina Grande, juntamente com o Movimento Negro e o Projovem Urbano, promovem no próximo dia 21, às 19h, na escola Dr. Williams Arruda, em Bodocongó, mais um ciclo de debates “Os desafios e possibilidades da juventude em Campina Grande”.

O núcleo do “Juventude Viva” que iniciou os debates “Os desafios e possibilidades da juventude em Campina Grande” com a temática  “Preconceito e discriminação: por uma Campina de paz”, foi o da Zona Leste, onde os professores Moisés Alves (Movimento Negro), Ariosvalber Oliveira e Luiz Arthur (Tuta) Cabral, assessor técnico e coordenador do Juventude Viva em Campina Grande, respectivamente, reunidos com a comunidade e educadores do colégio Dr. Chateubriand, discutiram melhorias e oportunidades para os jovens.

O professor Ariosvalber Oliveira destacou, na qualidade de educador e assessor técnico do “Juventude Viva” em Campina Grande, que os avanços das políticas de inclusão social no município já são significativos. Para tanto, ele ressaltou o empenho do prefeito Romero Rodrigues e dos secretários e secretários executivos da Sejel e da Secretaria de Educação.

“A população precisa saber que o Projovem Urbano de Campina Grande tem 600 jovens matriculados, com idade de 18 a 29 anos, que não concluíram o ensino fundamental II. O programa visa dar oportunidade para quem não terminou os estudos ainda, além disso, o aluno recebe uma bolsa de R$ 100 por mês para participar do curso, que tem duração de 18 meses”, concluiu Ariosvalber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO