Alunos do Projovem participam do Dia Internacional da Mulher

projovemNesta quarta-feira (12), às 19h, no Teatro Municipal Severino Cabral, os alunos do Projovem Urbano e EJA – Educação de Jovens e Adultos da Secretaria de Educação do Município participam da programação do Dia Internacional da Mulher: “Quem ama abraça”.

O evento, organizado pela coordenação do Projovem Urbano e desenvolvido pela Secretaria de Educação de Campina Grande, será aberto pela secretária Verônica Bezerra. Durante a solenidade, serão ministradas palestras abordando os seguintes temas:

“Mulher, Direito e Cidadania: Breve histórico sobre a criação do Juizado da Mulher e da Promotoria da Mulher no Município de Campina Grande”, com os promotores de Justiça de Defesa dos Direitos da Mulher, Sócrates da Costa Agra e Alberto Quaresma;

“Reflexão sobre a violência contra a mulher no Município de Campina Grande numa perspectiva de sensibilização e combate”, será apresentado pela Delegada da Mulher, Herta de França Costa.

E ainda: “Rede de atendimento à Mulher Campinense: Ações e atitudes que podem fazer a diferença para reduzir a violência contra a mulher”, com Marli Castelo Branco, coordenadora do Centro de Referência da Mulher Ana Luiza Mendes de Leite.

O tema “Dia Internacional da Mulher: Quem ama abraça” será apresentado por Soraya Maria Cordeiro – representante do Coletivo de Mulheres: Educação, Intervenção e Ação Social – COMEIAS e pela professora Iolanda Barbosa da Silva, secretária executiva de Educação. Lucas Felipe e Adilia Uchoa serão responsáveis pela apresentação cultural.

Projovem – O ProJovem Urbano é uma das modalidades do ProJovem Integrado – Programa Nacional de Inclusão de Jovens, que tem como finalidade elevar o grau de escolaridade visando ao desenvolvimento humano e ao exercício da cidadania, por meio da conclusão do ensino fundamental, de qualificação profissional e do desenvolvimento de experiências de participação cidadã.

Com duração de 18 meses, o curso oferece a conclusão do ensino fundamental, treinamento em informática, formação profissional inicial e atividades de participação cidadã. Aos jovens que cumprem determinados requisitos de frequência e elaboração de trabalhos é concedido um benefício mensal de R$100.

O ProJovem funciona em seis escolas da Rede Municipal de Ensino, sendo cinco escolas urbanas e uma escola rural (Galante), com 600 alunos matriculados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO