Alunos da rede pública do Município conhecem história do Maior São João do Mundo

criancas_sjA programação do Maior São João do Mundo elaborada pela Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Campina Grande para os alunos da Rede Municipal de Ensino tem prosseguimento com a realização de oficinas e visitas ao Parque do Povo, ao Sítio São João, à Vila do Artesão e ao Memorial do Maior São João do Mundo.

Nesta terça-feira (18), pela manhã, os alunos da Escola Municipal Professor Almeida Júnior e à tarde da Escola Municipal Padre Antonino visitaram o Memorial do Maior São João do Mundo, localizado na Rua Tiradentes, 165, Centro.

Os estudantes foram recebidos pela professora Clea Cordeiro, idealizadora do Memorial, que conta a história do Maior São João do Mundo através de fotos, jornais e cartazes. O Maior São João do Mundo foi criado com o objetivo de ser muito mais que uma festa, mas, um evento histórico-cultural.

A festa pioneira em todos os aspectos, idealizada pelo então prefeito Ronaldo Cunha Lima, ganhou espaço próprio em 1986 com a inauguração do Parque do Povo. Com o sucesso da festa, a área foi ampliada em 1989, com a criação do Arraial Hilton Motta.

Novos elementos foram agregados ao evento, como o Sítio São João em 1998, a cidade cenográfica e a fogueira gigante em 1999 e a Vila Nova da Rainha em 2000. A vila fomentou o surgimento e divulgação de muitos artistas e artesãos paraibanos. E foram criadas as ilhas de forró, que homenagearam nomes da nossa cultura, como Zé Lagoa, Zé Bezerra e seu Vavá (Genival Lacerda).

Já a turma do 4º ano do turno da tarde da Escola Municipal Roberto Simonsen visitou nesta terça-feira (18) a Vila do Artesão, localizada na Avenida Almeida Barreto, São José. Acompanhados da professora, os estudantes tiveram a oportunidade de conhecer de perto o artesanato em couro, madeira, fios, e artes plásticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO